Amar é A (maré) A (mar) é

nov 8, 2017

À deriva sob o sol, seu calmante é maré, águas rasas, nados rasos, inundar-se por inteiro, amar é mar, maré!

Uma onda que atormenta, sorrisos coloridos pelo azul, uma travessia a nado nessa imensidão, como maré, amar!

Amar é proteger a pele, a alma e a calma de outrem. Os pés na areia, pés no chão, manter a leveza sem perder a direção.

Grifar poesia, sintonia, velejar enquanto a mente se bronzeia, maré, maré!

Se a maré não der pé mergulhe mané, ou tem medo de se afogar? 
Maresia é melanina, vitamina! Deixa amor, deixa o mar te marear!

Amar é maré, reme!

Karina Gomes

Karina Gomes

Autora

Graduada em Odontologia pela Universidade Paulista, atende em algumas clínicas de Campinas/SP e região. Costuma intercalar suas paixões entre praia, viagens e natureza, e, fazer dos detalhes uma inspiração para seus textos. Aos fãs da boa astrologia é uma taurina raíz, da fome ao sono, e uma pitada de teimosia. Uma romântica sem causa, escrevendo sentimentos brutos, rústicos e lapidados.

Comments

comments

Pin It on Pinterest

Share This