Vai Fugir?

abr 18, 2017

Para! Pra quê tanto drama? Onde você vai com tudo isso?

Suas decisões impensadas ainda vão te trazer consequências irreversíveis, a consciência quando voltar ao lugar vai te cobrar mais que fiscal da receita federal, por você sempre agir de forma tão banal.

Você diz que é crescida, okay! Eu não duvido, mas fica difícil de crer pelo simples fato do contraste que há entre as palavras que saem de sua boca e as ações que constroem quem você é.

Em silêncio te analiso, avaliando cada movimento seu.

Pensativo, procuro coerência em suas atitudes, uma ponderação plausível que justifique toda esta cena de menina que mal sabe o que esta fazendo.

Quando fica difícil é fácil cair fora, quando uma pá do remo quebra é cômodo pular do barco. Mas ainda estou aqui, não joguei a ultima ficha que tenho pra apostar que há motivos para crer que vale a pena ficar.

Para! Pra quê tanto drama? Onde você vai com tudo isso?

Suas decisões impensadas ainda vão te trazer consequências irreversíveis, a consciência quando voltar ao lugar vai te cobrar mais que fiscal da receita federal, por você sempre agir de forma tão banal.

Você diz que é crescida, okay! Eu não duvido, mas fica difícil de crer pelo simples fato do contraste que há entre as palavras que saem de sua boca e as ações que constroem quem você é.

Em silêncio te analiso, avaliando cada movimento seu.

Pensativo, procuro coerência em suas atitudes, uma ponderação plausível que justifique toda esta cena de menina que mal sabe o que esta fazendo.

Quando fica difícil é fácil cair fora, quando uma pá do remo quebra é cômodo pular do barco. Mas ainda estou aqui, não joguei a ultima ficha que tenho pra apostar que há motivos para crer que vale a pena ficar.

Gregory Zucolotto

Gregory Zucolotto

Autor

Formado em Analise de Sistemas, atua como Web Designer em horário comercial (e as vezes fora também). Escritor nas horas vagas (ou escritor de boteco, como gosta de se classificar), reúne palavras de uma mente povoada de opiniões sobre tudo. Amante de pensamentos lógicos, tem o hábito de manipular suas emoções através da razão. Composto de uma mistura entre nerd e geek, fã incondicional de HQ’s, filmes e séries.

Comments

comments

Pin It on Pinterest